Alimentao Saudvel – Artigos – Click Nova Olmpia

0
16

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

RESUMO

 A proposta deste artigo é relatar as reflexões construídas a partir da observação de uma sequência didática proposta aos educandos da educação Infantil I, 2º ano do 1º ciclo e 3º ano do 1º ciclo relacionados ao tema “Alimentação Saudável “de uma escola da Rede Municipal do município de Nova Olímpia-MT. A perspectiva desse trabalho é reconhecer os alimentos como elemento fundamental para promoção de uma vida saudável, adquirindo hábitos de boa alimentação, bem como a importância dos cuidados com a alimentação. Muitas pessoas conhecem o significado de uma alimentação equilibrada, mas mesmo assim continuam se alimentando de maneira incorreta. Isso porque não adianta apenas saber, é preciso reeducar-se nutricionalmente, ou seja, trocar os maus hábitos alimentares por bons hábitos. Trata-se de adotar um novo estilo de vida, de ampliar conceitos, mudar costumes, o que não é nada fácil, ainda que possível. A melhor maneira é apostar na educação alimentar. Esse aprendizado pode e deve ocorrer em qualquer lugar, mas a escola é um espaço privilegiado para o estudo da alimentação e da nutrição como ciência, arte, técnica e história. A escola deve atuar como um laboratório em permanente atividade de busca sobre o homem e as suas condições de vida.

  

Palavras –Chave: alimentação, vida, saudável, hábitos.

 

 

Introdução

Sabe-se que a infância é um período de intenso crescimento e desenvolvimento, no qual a alimentação exerce importante papel, ao passo que por meio dela é possível otimizar o potencial genético da criança ou ao contrário sua escassez ou má qualidade pode proporcionar a ocorrência de doenças futuras.

Por outro lado, a criança tende a desenvolver preferências por determinados grupos de alimentos, normalmente alimentos industrializados, e aversão a alimentos naturais como frutas, verduras e legumes, que funcionam como grandes fontes de vitaminas, minerais e fibras, indispensáveis para sua saúde.

Diante desse cenário, faz-se necessário a ação pedagógica e o estímulo aos trabalhos que envolvam diferentes abordagens com esses grupos alimentares, a fim de que, por meio do contato direto tornem interessantes e seu consumo possa ser aumentado.

Desse modo, será a partir de observação ao logo da proposta, que vamos avaliar levando em conta se os alunos progridem nas questões relacionadas à boa alimentação.

 

1.0 Alimentação saudável

 Alimentação saudável é o mesmo que dieta equilibrada ou balanceada e pode ser resumida por três princípios: variedade, moderação e equilíbrio.

 

1.1 Princípios da alimentação saudável

 Variedade: é importante comer diferentes tipos de alimentos pertencentes aos diversos grupos; a qualidade dos alimentos tem que ser observada.

Moderação: não se deve comer nem mais nem menos do que o organismo precisa; é importante estar atento à quantidade certa de alimentos.       

Equilíbrio: quantidade e qualidade são importantes; o ideal é consumir alimentos variados, respeitando as quantidades de porções recomendadas para cada grupo de alimentos. Ou seja, “comer de tudo um pouco”.

 

1.2 Pirâmide dos alimentos

 Não é sempre que sabemos se estamos comendo com variedade, moderação e equilíbrio. Para tornar isso mais simples, o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos criou a Pirâmide dos Alimentos, um instrumento educativo que pode ser facilmente usado pela população. A pirâmide mostra o que devemos comer no dia-a-dia. Não é uma prescrição rígida, mas um guia geral que nos permite escolher uma dieta saudável e conveniente, que garanta todos os nutrientes necessários para o nossa saúde e bem-estar. A pirâmide original foi baseada nas necessidades energéticas e nutritivas de indivíduos adultos e apresentando essa forma:

 

Desde a infância cada indivíduo já tem suas preferências alimentares, cabendo à família e à escola incentivarem que estes sejam os mais saudáveis possíveis, pois fatores genéticos e hereditários interferem e muito nesses hábitos. Não há dúvida que alimentação de qualidade é fundamental para garantir uma boa qualidade de vida.

Portanto, para este trabalho algumas etapas foram seguidas, com atividades diversificadas, abrangendo todas as áreas do conhecimento, sempre com o intuito de sensibilizar os educandos para uma alimentação saudável.

Pode-se perceber que o envolvimento dos alunos com o estudo proposto elencou alguns novos hábitos alimentares.

 Considerações finais:

 

Os estudantes sempre demostram grande interesses, pelos temas e dinâmicas propostos, tendo em vista uma participação efetiva em todas as etapas do processo.

Professores e funcionários empenharam-se em orientar seus alunos sobre a melhor maneira de se alimentar.

            Na tentativa de apoiar seus filhos, os pais também participam auxiliando-os em casa, nas pesquisas.

Diante disso, acreditamos que esse tipo de atividade envolvendo educação nutricional devem ser realizados nas escolas a fim de que hábitos alimentares das crianças e famílias possam ser melhorados.

Afinal, é na escola que se revelam as dificuldades que existem fora dela e é na escola que essas dificuldades podem ser solucionadas, através da pedagogia.

A alimentação está situada em um contexto de vida histórico e cultural do homem.

 A participação ativa do indivíduo e da comunidade em aspectos relacionados à alimentação e saúde, aliada à garantia, por parte do governo, da alimentação como um direito humano e à segurança alimentar e nutricional para os desenvolvimentos físico, mental e social são os passos fundamentais para o alcance do real sentido de igualdade.

 

_______________________________________________________

¹Professora da Educação Básica, habilitada em Pedagogia pela UFMT (NEAD), pós-graduada em Alfabetização e Letramento pelo Instituto Prominas. Email: idola13@hotmail.com. SEMECETEL Nova Olímpia.

² Professora da Educação Básica, habilitada em Pedagogia pela UNOPAR, pós—graduada em Educação Infantil e Alfabetização, pelo Instituto Afirmativo. . Email lucianasirleide@hotmail.com SEMECETEL Nova Olímpia.

³ Professora da Educação Básica, habilitado em Pedagogia pela UNIC, pós-graduada em Psicopedagogia Clínica e Educacional, pelo Instituto Afirmativo. Email: angell-_-rozy@hotmail.com SEMECETEL Nova Olímpia.

 _____________________________________________________________

Bibliografia:

PPP. Projeto Político Pedagógico; Escola Municipal Vila Nova.

 

Parâmetros curriculares nacionais: apresentação dos; temas transversais, ética / Secretaria de Educação; Fundamental. – Brasília : MEC/SEF, 1997.

 

http://pacto.mec.gov.br/images/pdf/Formacao/Ano_3_Unidade_1_MIOLO.pdf

 

http://pacto.mec.gov.br/images/pdf/Formacao/Ano_3_Unidade_2_MIOLO.pdf

 

http://pacto.mec.gov.br/images/pdf/Formacao/Ano_3_Unidade_3_MIOLO.pdf

 

http://pacto.mec.gov.br/images/pdf/Formacao/Ano_3_Unidade_4_MIOLO.pdf

 

http://pacto.mec.gov.br/images/pdf/Formacao/Ano_3_Unidade_5_MIOLO.pdf

CENTRO DE REFERÊNCIA EM VIGILÂNCIA

 

 



Fonte



Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda