Com 522 novos casos, estado passa de 25,3 mil pessoas com coronavírus; Total de mortes chega a 390 | Tocantins

    0
    3

    Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

    .

    Os pacientes que não resistiram aos sintomas da doença tinham entre 49 e 98 anos anos. As vítimas são:

    Araguaína, no norte do estado, registrou 111 novos diagnósticos neste sábado (1º). A cidade é a mais afetada do estado com 7.165 casos, além de 97 mortes.

    Palmas segue como a segunda cidade mais impactada pela pandemia. Neste novo boletim a capital teve o maior número de novos casos, foram 138. A cidade chegou ao total de 5.504 confirmações e 42 mortes.

    Segundo a SES, também foram registrados novos casos da doença em Paraíso do Tocantins (64), Gurupi (58), Lagoa da Confusão (17), Alvorada (14), Formoso do Araguaia (11), Porto Nacional (11), Paranã (9), Cariri do Tocantins (7), Santa Fé do Araguaia (7), Guaraí (6), Talismã (6), Marianópolis do Tocantins (5), Pium (5), Colmeia (4), Wanderlândia (4), Divinópolis do Tocantins (3), Figueirópolis (3), Itaporã do Tocantins (3), Jaú do Tocantins (3), Rio dos Bois (3), Rio Sono (3), Barra do Ouro (2), Miranorte (2), Pedro Afonso (2), Sucupira (2), Aliança do Tocantins (1), Aragominas (1), Araguatins (1), Aurora do Tocantins (1), Babaçulândia (1), Barrolândia (1), Brejinho de Nazaré (1), Cachoeirinha (1), Conceição do Tocantins (1), Darcinópolis (1), Muricilândia (1), Peixe (1), Piraquê (1), Presidente Kennedy (1), Pugmil (1), Riachinho (1), São Valério (1), Sítio Novo do Tocantins (1) e Tupirama (1).

    Segundo a Secretaria de Saúde, do total de casos, 15.414 pacientes estão recuperados e 9.542 ainda estão em acompanhamento e isolamento. O estado tem 63 pessoas internadas em UTIs públicas e outras 53 em leitos de terapia intensiva privadas.

    A taxa de ocupação na rede hospitalar pública do Tocantins, até às 14h deste sábado (1°), está em 74% dos leitos de UTI e 45% dos leitos clínicos. Os dados são referentes apenas aos leitos dedicados exclusivamente a Covid-19 e geridos pela Secretaria de Estado da Saúde.

    Cidades mais afetadas pela Covid-19



    Fonte



    Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


    Lima & Santana Propaganda