Jovem acusa PM de agressão durante abordagem em CatanduvaJovem acusa PM de agressão durante abordagem em Catanduva

0
4

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Uma jovem de 19 anos, moradora de Catanduva, acusou a Polícia Militar da cidade de agredi-la fisicamente durante abordagem no último dia 11 de junho. Na ocasião, A.B.B.O., que agor está na penitenciária feminina de Pirajuí, foi presa por tráfico de drogas após ser encontrada, em uma rua do Jardim Gavioli, com 100 porções de cocaína e 32 de maconha. 

A reportagem teve acesso a um vídeo que mostra o momento da abordagem, em que a acusada e a mãe dela são empurradas pelo policial. De acordo com o boletim de ocorrência, a jovem estava em um ponto conhecido pela venda de entorpecentes na região.

Ao ser questionada, ela indicou aos policiais onde estava a droga, escondida em um terreno próximo ao local, em um tambor. Após o flagrante, foi dada voz de prisão à suspeita e, neste momento, segundo os policiais no relato à Civil, a jovem “escorregou e caiu”, sofrendo lesões na face e nos joelhos.

Ainda no boletim de ocorrência, os policiais explicaram que foi preciso usar força física contra a mãe da autuada, uma vez que ela apresentou bastante resistência à prisão da filha. Em seguida, A.B. foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) mais próxima, de onde foi encaminhada ao Hospital Padre Albino, sendo medicada e liberada.

Já no Plantão Policial para o registro da ocorrência, a jovem apresentou uma crise de ansiedade, precisando retornar à UPA e ser medicada novamente. No termo de interrogatório de prisão em flagrante, ela alegou que estava no local esperando sua mãe com um salgado quando surgiu a viatura, que lhe avisou que naquele dia ela seria presa.

Ela relatou, ainda, que não sabia da existência da droga, alegando não ter nada em sua posse, e que ao tentar correr, foi atingida por uma rasteira, caindo no asfalto e sendo segurada pelo pescoço, momento em que sua mãe tentou ajudá-la e acabou empurrada, sendo assim detida pelos policiais.

De acordo com o laudo médico, A.B. sofreu lesões e fratura de osso nasal, sendo solicitada uma cirurgia plástica de reconstrução bucomaxilofacial. Questionada, a Polícia Militar confirmou que encontrou 10 porções de cocaína e duas de maconha com a jovem, que confessou que estava vendendo os entorpecentes, indicando o local com o restante da droga.

A assessoria da corporação destacou que, no momento de sua prisão, a abordada se desvencilhou dos policiais militares e fugiu a pé, foi acompanhada pelos policiais que precisaram utilizar técnica de interceptação para interromper a fuga.

Em seguida, segundo a PM, a mãe da jovem tentou intervir na prisão, mas foi afastada pelo mesmo policial em questão de segundos. Ainda segundo a PM, o Comandante do 30º BPM/I instaurou Investigação Preliminar, no qual foi anexado ofício oriundo da Delegacia de Defesa da Mulher de Catanduva/SP contendo um boletim de ocorrência registrado pela mãe da suspeita, onde, em síntese, relata ter sofrido agressões físicas quando foi intervir junto aos policiais militares, no momento em que sua filha estava sendo presa. A Investigação Preliminar encontra-se em fase conclusiva no âmbito da Unidade.




Fonte



Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda