Profissionais formados em Engenharia de Produção ganham destaque no mundo pós-pandemia | Ensinando e Aprendendo

    0
    43

    Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

    .

    Em matéria recente publicada no Jornal Metrópoles, o analista de logística, um dos campos de atuação para quem é formado em Engenharia de Produção, ganhou visibilidade como uma das profissões mais procuradas no mundo pós-pandemia. Esses profissionais avaliam, projetam e implementam sistemas de transporte, armazenamento e distribuição de forma a atender às demandas da sociedade, no tempo e custo corretos.

    Segundo a coordenadora do curso de Engenharia de Produção da Universidade de Fortaleza, da Fundação Edson Queiroz, Lúcia Barbosa, a capacidade de orientação do engenheiro de produção para a geração de resultados é o que faz essa profissão se tornar cada vez mais necessária no mercado.

    “Esses profissionais atuam em melhoria de processos, reduzindo insumos e racionalizando a mão de obra, justificando a alta empregabilidade. Devido ao ‘novo normal’, as oportunidades de mercado cresceram nos ramos de suprimentos de utensílios médicos e hospitalares, gestão da cadeia de suprimentos, demanda e logística de outros itens essenciais, tais como: álcool em gel, produtos de limpeza e outros produtos derivados dos cuidados com o coronavírus. No aspecto digital, tem crescido bastante a área de otimização de processos de vendas no e-commerce e migração para a Indústria 4.0”, conta.

    A Indústria 4.0, também conhecida como quarta revolução industrial, é um termo recente que engloba todas as inovações tecnológicas criadas nos últimos anos que visam facilitar processos industriais e gerar mais lucro às empresas.

    Para Lúcia Barbosa, os profissionais que atuam na Engenharia de Produção precisam usar a tecnologia para se destacar no mercado de trabalho, uma vez que existe um crescimento da informatização e da simulação de processos. “Seja no e-commerce ou nas técnicas de controle de linhas de produção, é preciso inovar na área, mas, também, ficar atento, para fazer chegar ao consumidor produtos no tempo e quantidades corretas e com preço compatível”.

    O engenheiro de produção formado pela Unifor pode atuar em indústrias, empresas, hospitais, escolas, setores de serviços, entre outros. “É um perfil profissional que atende qualquer segmento, seja ele industrial ou de serviço. O egresso da Unifor conhece a linguagem técnica, física e matemática, por ter disciplinas que abordem esses conhecimentos, o que lhe permite entender as diversas linhas de produção”, destaca Lúcia.

    A experiência de quem está no mercado

    Talita Santos — Foto: Divulgação

    A vivência profissional de Talita Santos, egressa do curso de Engenharia de Produção da Unifor, demonstra o quanto o campo de atuação profissional na área é vasto. A engenheira sempre foi apaixonada por gestão, por trabalhar com pessoas, organizações e tecnologias. Ao pesquisar sobre Engenharia de Produção e descobrir que poderia explorar todas essas áreas na graduação decidiu ingressar na Unifor. “Sempre quis ser uma boa profissional e para isso é preciso vir de um bom lugar e ter um bom currículo. Decidi começar a construir a minha carreira na Unifor porque a Universidade aproxima os alunos das grandes empresas, o que torna o networking mais fácil”, conta.

    Talita é Líder de Operações na Diageo, multinacional considerada uma das maiores fabricantes de bebidas destiladas do mundo. Antes de chegar ao cargo que está hoje, a engenheira trilhou um caminho de sucesso que tinha como foco criar experiências. “Quando ingressei na graduação entrei para a Empresa Júnior, Epro Consultoria, foi a minha primeira oportunidade no mercado profissional. Fazíamos consultorias para empresas de pequeno e médio porte, mas estávamos em contato com grandes profissionais e professores qualificados que nos apoiaram nos projetos de gestão financeira, gestão de pessoas e gestão de projetos, que foi onde me consolidei enquanto profissional”, relata.

    O conselho de Talita para aqueles que querem ter destaque na profissão é viver a universidade. “O mercado de trabalho procura pessoas com experiências. Na Unifor você pode criar suas experiências de diversas maneiras. Os alunos têm a sua disposição o centro de empreendedorismo, a empresa júnior, grupos de estudo e pesquisa, inúmeros projetos. Então, participe de tudo que estiver disponível para que o mercado lhe veja. No seu processo de formação se preocupe em criar experiências fora da sala de aula”.

    Isabela Parente — Foto: Divulgação

    Isabela Parente, também egressa do curso de Engenharia de Produção da Unifor, atua como engenheira industrial na Fábrica Troller, que faz parte do time da Ford Motor Company, fabricante de automóveis multinacional estadunidense.

    “Tive duas experiências importantes que me fizeram ter certeza que tinha escolhido o curso certo. A primeira foi minha participação na Empresa EPro Consultoria Jr da Unifor, onde desenvolvi habilidades de mercado. A segunda foi a oportunidade de estudar engenharia na Alemanha, que me trouxe mais conhecimento global, ainda aprendi novos idiomas. Após meu retorno, consegui estágio na empresa que estou atualmente na área de gerenciamento de projetos de novos produtos. Todos essas etapas e experiências que vivi durante esses anos no curso me deixaram mais segura para seguir na profissão”, conta Isabela.

    Para ela, é importante se conectar ao máximo com as áreas que a Engenharia de Produção disponibiliza. “Você terá um norte sobre o que irá fazer e se sentir realizado. Nunca dispense uma oportunidade, seja de trabalho voluntário, estágio, cursos ou palestras, todas essas oportunidades vão gerar conhecimentos imprescindíveis para sua carreira”.

    O curso de Engenharia de Produção da Unifor prepara o profissional para projetar, implantar, melhorar e manter os sistemas produtivos com abordagem sistêmica que o capacita a lidar com sistemas integrados de homens, equipamentos e materiais, e não simplesmente com tecnologias ou produtos de forma isolada.

    Com os conhecimentos adquiridos na Unifor, o egresso pode gerenciar recursos humanos, financeiros e materiais de uma empresa, a fim de elevar sua produtividade e rentabilidade

    Estude Engenharia de Produção na Unifor

    Para você que quer cursar Engenharia de Produção, não perca mais tempo e ingresse na Universidade de Fortaleza, eleita por dois anos a melhor universidade particular das regiões norte e nordeste do país, segundo THE Latin America Ranking 2020, editado pela Times Higher Education Latin America (THE), entidade britânica que produz a principal avaliação internacional do segmento de educação.

    A graduação da Unifor possui cinco anos de duração. É a única do Ceará com formação plena no seu planejamento curricular. Proporciona ao aluno capacitação para o mercado de trabalho com base em interesses globais, que exigem a gestão da produtividade e da qualidade nos aspectos de planejamento, controle e custos em atendimento aos setores industriais e de bens e serviços. Além disso, o curso oferece o contato e ingresso em uma Empresa Júnior, a Epro Consultoria, onde os alunos agregam experiências práticas relacionadas à sua futura profissão, por meio de prestação de serviços para micro e pequenas empresa.

    Em 2019, o curso de Engenharia de Produção da Unifor foi eleito o 1º lugar geral do Ceará pelo Ranking Universitário da Folha (RUF). Já no cenário nacional, incluindo universidades públicas e privadas, a graduação da Unifor está em 20º lugar, e considerando apenas as universidades privadas, a Unifor está em 7º lugar.

    Ingresse em uma das maiores instituições de ensino superior do mundo usando sua nota do ENEM, escolha seu melhor desempenho entre 2010 e 2019, e concorra a uma bolsa exclusiva até o final do curso*.



    Fonte



    Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


    Lima & Santana Propaganda