Quarentena: dicas de como entreter o seu pet em casa

0
43

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Estamos enfrentando um período difícil para todos, onde devemos nos adaptar a uma nova rotina de isolamento e cuidado redobrado com a higiene diária.

Os animais domésticos também sofrem bastante com tudo isso, não só pela sensibilidade, mas também pelo estresse de ficarem presos o tempo todo, podendo gerar ansiedade e levar até a depressão dos bichinhos.

Confira a opinião de especialistas:

 

Estímulos na alimentação

Esses estímulos básicos facilitam o controle do estresse do pet dentro de casa. “Uma alternativa é colocar a ração em bolas que soltam a comida devagar ou dentro de garrafas pet”, aconselha Celso Luiz Teixeira Eleutério, adestrador na Tudo de Cão. O enriquecimento do ambiente doméstico também é importante. “O dono pode esconder petiscos e pedaços de ração pela casa. Isso vai estimular o faro, gerando um momento de lazer”. É o momento de variar as brincadeiras, e sem precisar de muito esforço (ou gastar dinheiro), com um simples pedaço de corda e uma garrafa pet, usada para colocar a ração, também pode ser reutilizada. Basta amarrar um barbante nela e arrastar pela casa.

 

Treine comandos básicos

Se o seu pet não for adestrado, o período de isolamento é uma boa época para melhorar a relação com o animalzinho. Com o surgimento do novo Coronavírus, o trabalho dos adestradores mudou. Muitos, como o Celso, agora dão orientações online. “Os donos estão gravando vídeos e enviando para a gente. É uma opção bacana para quem nunca teve contato com a adestramento. A forma de trabalhar mudou um pouco, mas pode ser um novo caminho”, comenta Celso, que é um dos mais de 50 adestradores da empresa.


Veja também: As muretas de Santos


Pode passear com os animais?

Segundo O Conselho Regional de Medicina Veterinária do estado de São Paulo (CRMV-SP), a questão dos passeios com os cães é um ponto bem delicado, mas há saídas. A sugestão é tentar evitar ao máximo uma queda abrupta na rotina do animal, criando atividades para seu pet em casa ou apartamento, para tentar repor a necessidade dos passeios.

Segundo Rosângela Ribeiro Gebara, da Comissão Técnica de Bem-estar Animal (CTBEA) do CRMV-SPA, diferentemente do gato, o cachorro gosta muito de rotina. “Sem passeios, os cães também entram em quadros de ansiedade. Então, os tutores devem criar atividades, por 30 minutos à 1 hora, para o animal gastar a energia. Não é a mesma coisa, pois o passeio oferece estímulos olfativos importantes, porém, é uma forma de não deixar a vida do pet tão tediosa dentro de casa”, explica.

 

Se for sair com ele, a higienização é crucial!

Se um cão ou gato tiver contato físico com uma superfície contaminada pelo novo coronavírus, eles não serão infectados, mas podem carregá-lo para dentro de casa por meio das patas ou do pelo, assim como os humanos carregam nas mãos e objetos. Por isso, ao voltar da rua, é extremamente necessário fazer a higienização. Lave as patas deles com água e sabão neutro, da mesma forma como temos que lavar as mãos, para matar o vírus. Outras soluções são passar antisséptico à base de clorexidina ou álcool gel com pano nas patas e pelos. Vale lembrar que o vírus tem uma durabilidade no ambiente muito grande em algumas superfícies. No aço inox, ele vive até 12 horas. No plástico, até quatro horas.

 

Pets não transmitem para humanos

“Não existem evidências de que COVID-19 infecte os cães, gatos, bovinos ou qualquer outro mamífero doméstico”, afirma a médica-veterinária Mitika Hagiwara, conselheira do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo (CRMV-SP).

A informação é reforçada pelo médico-veterinário Eduardo Pacheco, da Comissão Técnica de Clínicos de Pequenos Animais (CTCPA) do CRMV-SP. “As pessoas não passarão o vírus para os seus animais e nem o contrário poderá acontecer”. Por isso, se seu cão ou gato aparecer espirrando, por exemplo, pode ser devido a uma alergia ou doença sem relação alguma com o novo coronavírus.


Siga o nosso instagram @revistanove e tenha as melhores dicas de entretenimento, lazer e gastronomia na Baixada Santista 🙂



Fonte



Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda