5 verdades e 5 mitos sobre depilação que você realmente precisa saber

0
39

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Há quem tenha adotado os pelos e conviva com os fios, sem neura. Em contrapartida, outros detestam ter cabelinhos nas pernas, nas axilas, no buço e na barriga. Para se livrar deles, a alternativa mais viável é a depilação com lâminas, cera, pinça ou a laser. Entretanto, na hora de escolher o procedimento mais plausível, surgem algumas dúvidas e receios quanto à dor. Mas calma! A coluna Claudia Meireles vai desvendar os mitos e verdades a respeito dos métodos disponíveis.

Remover os cabelinhos faz com que eles cresçam mais finos? Pode beber café antes da depilação? Cera tende a deixar os fios encravados?

0

Se as perguntas anteriores rondam a mente, prepare-se para elucidar os questionamentos ao término da reportagem e, possivelmente, escolher o método ideal para a remoção dos seus pelos. A Glamour britânica montou um roteiro importante, com mentiras e fatos relacionados ao assunto.

Confira!

Mito 1

O pelo volta a ficar mais grosso e escuro após o barbear? Esse é considerado um dos mitos mais comuns, conforme explicou Briar Keen, cofundadora do FFS Beauty. De acordo com a empresária, o mito tem cara de verdade devido à sensação de quando o cabelo volta a crescer, após a retirada com a lâmina. “O barbear só remove o fio da superfície da pele, por isso, não afeta a cor ou a espessura, que é determinada no folículo piloso”, esclareceu.

Keen deixou um conselho a quem tem apreensão de depilar com lâmina de barbear: “Se permitir que o cabelo da perna cresça, será exatamente igual ao que era originalmente”. Segundo a expert, o fato de o pelo ser mais curto pode fazer parecer que é um pouco mais grosso.

Fato 1

Depilação constante faz o cabelo nascer mais fino? A resposta é sim. Se você odeia fazer a barba ou ter pelos, o procedimento estético é a única opção de ficar tranquilo quando começam a nascer os fiozinhos. “Com a depilação regular, o cabelo ficará muito mais fino com o tempo. Por isso, você não terá o temido crescimento de pelos que obtém com cremes de barbear e de remoção dos fios”, indicaram Ellen Kavanagh e Trish O’Brie, donas da Waxperts Wax.

Depilação - mulher
Depilar constantemente deixa os fios mais finos
Mito 2

Se as mulheres rasparem o rosto, a barba vai crescer? Os especialistas consultados no artigo da Glamour ressaltaram que não irá crescer mais cabelo se decidir removê-lo. Inclusive, o dermaplaning se transformou em um tratamento facial requisitado nos últimos tempos. Feito com barbeadores próprios para a face feminina, o método remove toda a penugem do rosto e células mortas. Dentre as adeptas, está Huda Kattan, maquiadora e empresária do universo da beleza. Ela prefere o efeito de cútis lisinha na hora de aplicar as makes, conforme disse em tutoriais

Dermaplaning
A técnica de raspar o rosto tem conquistado até celebridades
Fato 2

Precisa aparar o pelo antes da cera? Nada de dar uma arrumadinha antes da depilação, sugeriram Ellen Kavanagh e Trish O’Brie. “Quando os clientes cortam antes de uma consulta, muitas vezes aparam muito curto, ou seja, melhor deixar para os profissionais”, instruíram as experts. Elas acrescentaram à orientação: “Idealmente, o fio deve ser tão longo quanto um grão de arroz, mas não se preocupe se for mais longo que isso”.

Se você tira a barba ou outros cabelos com lâmina e almeja mudar para a depilação com cera, Ellen e Trish sugerem deixar os fios crescerem por três ou mais semanas.

Depilação - homem
Nada de aparar o pelo antes da depilar com cera
Mito 3

Tirar os pelos com lâminas de barbear remove o bronze natural? Mito total, de acordo com os especialistas procurados. “O efeito ocorre nas células pigmentares do corpo, com as quais as lâminas de barbear nunca entram em contato, porque estão mais abaixo na pele”, esclareceu Briar Keen. Entretanto, a cofundadora do FFS Beauty avisa que o método de podar os cabelinhos também retira o bronze falso, desenvolvido na superfície da cútis. O “gilete” tende a remover as células mortas da derme.

0

Fato 3

A depilação a laser não é adequada para todos os tipos de pele? Grande parte dos procedimentos disponíveis, como os lasers de luz intensa pulsada, funciona de modo a identificar a melanina. Em outras palavras, ideal para quem tem fios escuros e tons de cútis mais claros. O método atinge o folículo piloso, e não a derme. “É mais eficaz em tons de pele claros a médios, com cabelos variando do loiro natural a castanho escuro ou preto”, salientou a dermatologista Anita Sturnham.

“O aparelho não é eficaz em cabelos muito loiros, ruivos, grisalhos ou brancos, em que a menor quantidade de melanina não absorveria a energia da luz”, ressaltou a médica. Devido às contraindicações, há quem esteja impedido de usar a tecnologia. “Alguns medicamentos, como antibióticos e retinoides tópicos, podem causar sensibilidade à luz. Portanto, o IPL não é recomendado para pessoas com distúrbios de pigmentação, como melasma ou vitiligo. Também se deve evitar se estiver grávida ou amamentando”, reforçou Anita.

Mito 4

A depilação a laser é dolorosa ao extremo? Não. Entretanto, é normal sentir algum incômodo durante as sessões. Quem recorreu ao método sustenta a tese do procedimento ser suportável e aconselha escolher um aparelho suave. “Com os avanços tecnológicos para dispositivos domésticos, os pacientes podem desfrutar dos benefícios da remoção de cabelo por lasers de luz intensa pulsada, sem precisar de recuperação, nem com o risco de irritar a pele”, garantiu a dermatologista.

Depilação a laser
Algumas pessoas sentem dor na depilação a laser, outras não
Fato 4

A cera tende a deixar os fios encravados? Verdade! A condição ocorre quando os cabelinhos ficam sem crescer corretamente para fora do folículo piloso e, em vez disso, se desenvolvem na cútis, o que provoca irritação. “No geral, a cera causa mais pelos encravados do que a raspagem, já que os fios ficam fracos e não conseguirem romper a pele. É uma situação é facilmente tratável e evitável”, pontuaram Ellen e Trish, em entrevista à Glamour.

À frente da Waxperts Wax, a dupla sugeriu fazer uma técnica para prevenir os pelos de ficarem encravados com um produto poderoso: “O ácido salicílico é o ingrediente mais eficaz, pois esfolia quimicamente, sem causar qualquer atrito ou dano, e tem qualidades anti-inflamatórias”.

Depilação - mulher
Faça uma esfoliação na região depilada com cera, para evitar pelos encravados
Mito 5

Se usar uma lâmina cega, não irá se machucar? Falso. Quem nunca se cortou com o aparelho que atire a primeira pedra. Embora o “gilete” novo e afiado pareça ser assustador, é a melhor opção para remover os cabelos. Quando as lâminas estão bastante usadas, é provável que se prendam na pele. “Opte por um dispositivo limpo e cortante. Lembre-se de cuidar da cútis antes de barbear, esfoliando. Ao término, hidrate a região”, orientou Briar Keen, cofundadora do FFS Beauty.

Lâmina de barbear
Não use lâminas “cegas”, pois pode se cortar com maior facilidade
Fato 5

Pode beber café antes da depilação com cera? A resposta é não! Certamente, você pensou que não havia problema em tomar bebidas com cafeína antes do procedimento. Contudo, a substância pode deixar a pele mais suscetível à dor. O mesmo vale para analgésicos. “Se consumir algo com cafeína, a região a ser depilada ficará bem mais sensível”, afirmaram Ellen Kavanagh e Trish O’Brie. Se irá doer, ou não, na hora de remover o pelo com a cera, dependerá do profissional; por isso, as experts indicam que sejam selecionados especialistas da técnica.

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.



Fonte