A Gretchen precisa de umbigo? Perguntamos aos médicos

0
132

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

As fotos da cantora Gretchen lispospirada recentemente bombaram nas redes sociais. A musa contou vantagem por ter feito uma lipo LED, que consiste em uma técnica na qual o cirurgião preserva um pouco do tecido adiposo do próprio paciente para simular músculos. Ou seja, além de chapada, a barriga dela fica com a aparência de malhada.

Mas o que está causando celeuma no fã clube não é isso e sim a ausência do umbigo no novo abdômen da Gretchen. O que aconteceu com ele? Sumiu.

O cirurgião plástico Gustavo Guimarães, que atende na Clínica Renoir, em Brasília, explica que essa parte do corpo não possui funções fisiológicas depois do nascimento, portanto, na prática, o umbigo não faz falta. “O cordão umbilical serve para que o feto receba nutrientes da mãe, mas, depois do nascimento, não tem mais função”, detalha.

No entanto, esteticamente, ele faz falta: “Todo mundo que vê uma barriga espera encontrar um umbigo”, afirma Gustavo Guimarães. Opinião semelhante tem o cirurgião plástico Fausto Bermeo, que atende na Interplástica em Brasília: “O umbigo é uma cicatriz desejável natural. A perícia de um cirurgião muitas vezes é avaliada pelo umbigo pós-lipospiração ou abdominoplastia“.

Bermeo, entretanto, não se arrisca a criticar quem “trabalhou” o abdômen de Gretchen. “Este tipo de lipoescultura abdominal não tira a naturalidade do umbigo, mas, pode ser que em cirurgias anteriores, tenha se perdido a cicatriz natural, difícil dizer sem conhecer como era antes do último procedimento”, aponta.

Para ressaltar a importância que o umbigo tem na estética corporal, o especialista Fausto Bermeo lembra daquele dito popular que associa essa parte do corpo à própria identidade das pessoas e quem bem pode servir de resposta de Gretchen a seus críticos: “Cada um que cuide do seu umbigo”.



Fonte



Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda