Acusado de matar homem a facadas por dívida de R$ 52 é preso em SP | Santos e Região

    0
    63

    Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

    .

    Um feirante de 39 anos, acusado de matar um homem por conta de uma dívida de R$ 52, foi preso pela Polícia Militar em São Vicente, no litoral de São Paulo. De acordo com informações obtidas pelo G1, Jonathan Sanches era considerado foragido da Justiça e foi detido durante um patrulhamento da PM na Área Continental de São Vicente nesta quinta-feira (25).

    A ação aconteceu em meio a um patrulhamento da Polícia Militar no bairro Quarentenário. A equipe trafegava pela Rua Mogi das Cruzes quando percebeu a movimentação do feirante. Ao notar o nervosismo do homem na presença da viatura, os policiais decidiram abordá-lo.

    A equipe não encontrou nenhum objeto ilegal com o homem. No entanto, os policiais pesquisaram a identidade do feirante e descobriram que ele era considerado foragido da Justiça, com mandado de prisão pendente por homicídio, emitido pela 1ª Vara Criminal do Foro de São Vicente.

    O G1 apurou que o crime aconteceu no dia 23 de fevereiro de 2014, na mesma rua em que o suspeito foi capturado. Durante as investigações, o feirante confessou que atacou o amigo, com golpes de facas, após a vítima não pagar uma dívida de R$ 52. Inquéritos policiais consideraram o crime com motivação fútil.

    Exames necroscópicos, realizados no Instituto Médico Legal (IML) determinaram que a vítima morreu após ser atingida pelos golpes na cabeça e no pescoço. Na ocasião, o feirante alegou legítima defesa. A Justiça, então, o indiciou pelo crime de homicídio simples.

    Detido pela PM, o acusado foi encaminhado à Delegacia Sede de São Vicente, onde o caso foi registrado como captura de procurado e ele permaneceu preso.

    Foragido foi capturado e encaminhado à Delegacia de Polícia Sede de São Vicente, SP — Foto: Rafaella Mendes / G1



    Fonte