Baixada Santista ultrapassa marca de 120 mil casos de Covid-19; região tem 33 mortes em 24h | Mais Saúde

    0
    18

    Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

    .

    A Baixada Santista, no litoral de São Paulo, ultrapassou a marca de 120 mil casos de Covid-19, após registrar 653 confirmações em 24 horas. De acordo com as prefeituras, nesta quinta-feira (15), ainda foram registradas 33 mortes causadas pela doença. No mesmo período, houve aumento de internações, passando de 695 para 711 pacientes, 16 a mais em um dia.

    Segundo os boletins epidemiológicos, a região contabiliza 120.642 confirmações e 4.213 mortes por Covid-19. São 3.600 casos suspeitos, 147 óbitos sob investigação e 105.008 pacientes recuperados da doença.

    Santos é a cidade com o maior número de internações, e registrou leve aumento nesta quinta, com um paciente a mais, passando de 566 para 567 pessoas hospitalizadas no município. A taxa geral de ocupação dos 823 leitos de Covid-19 disponíveis está em 69%. Entre os 424 leitos de UTI, a ocupação é de 80%. Na rede SUS, a taxa é de 75%, e na rede privada, 86%.

    Nesta quinta, todos os municípios registraram novas confirmações da doença. Santos, Praia Grande, Guarujá, São Vicente, Cubatão, Peruíbe e Itanhaém registraram novos óbitos, 33 ao todo. Ainda foram contabilizados 580 novos pacientes recuperados, ultrapassando a marca de 105 mil altas.

    Confira os casos na Baixada Santista

    Cidade Confirmados Suspeitos Internados Óbitos Óbitos investigados Recuperados
    Santos 41.128 1.182 271 1.369 59 37.064
    Praia Grande 19.279 382 94 508 38 18.705
    Guarujá 16.866 96 175 756 0 10.237
    São Vicente 13.394 597 46 727 16 11.650
    Cubatão 11.873 297 16* 353 13 11.518
    Peruíbe 5.313 295 40 138 2 4.142
    Itanhaém 4.506 479 30 177 0 4.382
    Mongaguá 3.583 177 6 88 5 3.004
    Bertioga 4.700 95 33 97 14 4.382
    Total 120.642 3.600 711 4.213 147 105.008

    * O número de internados em Cubatão é referente apenas a pacientes de UTI, conforme é repassado pela prefeitura.



    Fonte