Carne suína é opção para uma dieta saudável | Para quem trata câncer

0
163

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

O Instituto Nacional do Câncer (Inca) estima que 1,2 milhão de novos casos de câncer sejam diagnosticados no País até o final de 2019. Os mais comuns são os de pele, próstata e mama. Entre os cuidados necessários para a prevenção está atenção especial com a alimentação.

A dieta de uma pessoa com câncer deve ser ainda mais balanceada, saudável, com frutas, verduras e muitos vegetais. Além disso, na hora de escolher a carne é melhor optar por um corte mais magro. Aqui, a suína pode ser uma aliada nesse sentido.

Cada caso deve ser acompanhado de um nutricionista. Mas em geral os cortes suínos possuem menos sódio e mais potássio. O fortalecimento do organismo ajuda a evitar os efeitos colaterais do tratamento e evitam os efeitos colaterais.

Grelhados ou assados, os suínos são opções com alto teor de proteínas, que ajudam na recuperação muscular. De quebra, eles contribuem ainda a proteger o sistema imunológico. Esse alimento também pode auxiliar no processo de cicatrização. Já os aminoácidos garantem o funcionamento do organismo.

Atenção

Isso não livra a pessoa de saber a procedência do alimento. Comprá-lo em um estabelecimento confiável é essencial. Além disso, só um profissional poderá indicar a dieta adequada, com os níveis corretos a serem ingeridos diariamente.

Principais cortes

Entre as peças que possuem menor teor de gordura, sódio e outras substâncias prejudiciais ao organismo estão o filé mignon, o lombo, a bisteca e a costelinha. Mas vale o alerta: evite as frituras, preferindo os assados. Para acompanhar, abuse das saladas e vegetais, assim a opção fica mais saborosa e nutritiva.

 






Fonte