Casa do Educador de Guarujá terá oito novas terapias a partir de fevereiro

0
34

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Pilates de solo, terapia emocional, spa dos pés, ginástica funcional, psicologia clínica, programação neurolinguística, podologia e cromoterapia são as novidades para o ano que vem

A Casa do Educador de Guarujá (Avenida Leomil, 164 – Centro), um espaço inteiramente dedicado à saúde e ao bem-estar do professor da rede municipal de ensino, ampliará o atendimento para o ano que vem, oferecendo  oito novas terapias em 2022.

A partir de fevereiro, o espaço terá pilates de solo, terapia emocional (reiki usui tibetano, cristaloterapia, fitoterapia, radiestesia e florais quânticos), spa dos pés, ginástica funcional, psicologia clínica, programação neurolinguística, podologia e cromoterapia.

Ainda para o próximo ano, também vai ser disponibilizado serviço de automaquiagem. Recentemente, a Casa implantou yoga, reflexologia podal, terapia quântica Thetahealing, constelação familiar sistêmica, barra de access e cartas associativas.

Atualmente, o local conta com hipnose, terapia floral, auriculoterapia, ozonioterapia, ventosaterapia, limpeza de pele, massagem relaxante, drenagem linfática, massagem modeladora, reiki e EFT (técnica de liberação emocional).

Atendimentos agendados

É necessário realizar o agendamento somente via whatsapp, através do número: 3386 4378. A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, durante o recesso, e das 8 às 20 horas, em fevereiro.

Caso o usuário não possua guia médica indicando o tratamento, a Casa do Educador dispõe de uma equipe de triagem especializada para identificar o acompanhamento ideal aos pacientes.

Mesmo com o quadro da pandemia bastante equilibrado na Cidade, o local mantém reforçado todos os protocolos de biossegurança no combate a covid-19 durante os atendimentos.

Mais de 18 mil atendimentos em quatro anos

Levantamento desenvolvido pela Secretaria de Educação (Seduc) demonstra que a Casa do Educador soma um total de 18.724 atendimentos realizados desde 2017. Os dados indicam um aumento de 58%, entre 2017 e 2019, com 4.356 (2017), 5.808 (2018) e 6.897 em 2019.

Por conta da pandemia, 2020 foi o ano com menor número: 363 atendimentos, tendo em vista que as agendas presenciais sofreram paralisação no mês de março. Já no ano vigente, o total registrado aumentou quatro vezes, no comparativo a todo o ano de 2020, chegando a 1.300 atendimentos prestados, a partir do retorno gradativo presencial que ocorreu em julho.

A coordenadora da Casa faz uma avaliação positiva do trabalho desenvolvido. “Trouxemos terapias inovadoras e nos tornamos referência a outros municípios, fruto do empenho de toda a equipe. Durante o atendimento presencial reduzido devido à pandemia, a Casa do Educador prestou atendimento remoto, sem deixar de fortalecer o emocional dos servidores municipais, em um período tão necessário”.

Além dos servidores da educação municipal, a Casa do Educador também atende funcionários das secretarias de Desenvolvimento e Assistência Social (Sedeas), Saúde (Sesau) e Guarda Civil Municipal (GCM).

Balanço anual

4.356 atendimentos (2017)

5.808 atendimentos (2018)

6.897 atendimentos (2019)

363 atendimentos (2020)

1.300 atendimentos (2021)



Fonte