Cirurgia íntima feminina feita com equipe só de mulheres

0
22

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Eis um assunto delicado, porém importante: cirurgia íntima feminina, chamada também de ninfoplastia, cujo objetivo é reduzir os pequenos lábios que ficam na entrada da vagina. 

 

Mas, afinal, por que as mulheres buscam por esse tipo de procedimento?

 

De acordo com a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo), isso ocorre por alguns motivos:

  • Assimetria e hipertrofia dos pequenos lábios;
  • Flacidez de pequenos e grandes lábios; 
  • Excesso de tecido adiposo suprapúbico; 
  • Defeitos no introito vaginal; 
  • Dificuldade para obter satisfação sexual por conta da aparência da genitália.

Além disso – por experiência no dia a dia da clínica – acrescentaríamos o incômodo para a realização de algumas atividades físicas e a insegurança com a aparência da região íntima em trajes de banho.

 

Também, percebemos que muitas mulheres demonstram curiosidade sobre o procedimento, mas acabam desistindo de fazê-lo por alguns motivos que investigamos:

 

– muitas mulheres não sabem que é possível melhorar o aspecto estético da vagina

– outras têm vergonha da presença de homens na equipe 

– e algumas simplesmente não querem que outras pessoas saibam que elas desejam passar por uma ninfoplastia. 

 

Pensando em como ajudar essas pacientes criamos o 100%feminina.

 

 Cirurgia íntima feminina: a solução perfeita para elas

 

Nosso objetivo é informar é encorajar mulheres a procurar ajuda quando o assunto é estética íntima; oferecendo um atendimento com total discrição e segurança 

 

O grande diferencial do 100% FEMININA é que todo o atendimento, incluindo a cirurgia, é feito por uma equipe composta apenas de mulheres. 

 

Continue a leitura e entenda mais detalhes sobre como funciona a ninfoplastia no programa 100% FEMININA.  

 

100% feminina: ninfoplastia a laser 

 

A ninfoplastia é feita usando o laser de CO2, que cauteriza os vasos à medida que faz o corte. 

 

Dessa forma, o sangramento é mais leve e o inchaço do pós-operatório também, proporcionando mais conforto nessa fase. 

 

cirurgia íntima feminina pode ser feita com anestesia local, ou seja, sem necessidade de anestesia geral,  nem internação. 

 

Tudo é feito na clínica com máxima segurança e conforto. Além disso, o sigilo é absoluto e esse é um compromisso da Belvivere Cirurgia Plástica para todo e qualquer procedimento.  

 

O pós-operatório da cirurgia íntima feminina a laser 

 

Depois do procedimento, é comum perceber um inchaço leve, que melhora após uma semana. 

 

A Dra. June, cirurgiã plástica da Belvivere, recomenda repouso domiciliar  e aplicação de gelo no local da cirurgia durante uma semana para acelerar o processo de recuperação. 

 

Orientações pós-cirúrgicas:

 

-Evitar cruzar as pernas

-Não usar papel higiênico ou roupas justas

-Manter boa higiene no local 

 

As medidas devem ser respeitadas por um período de 30 dias após a cirurgia! Isso é super importante para um pós-operatório tranquilo e de sucesso.

 

Após um mês, atividades físicas e relação sexual estão liberadas e o resultado completo pode ser notado em até 6 meses.  

 

cicatriz é bem discreta e a sensibilidade dos pequenos lábios e do clitoris são completamente preservadas. Não é preciso se preocupar com isso 😉: muito pelo contrário! As pacientes que já passaram pelo procedimento relatam melhora da vida sexual com a ninfoplastia. 

 

A cirurgia íntima feminina é uma solução que traz um alívio imenso para muitas mulheres e devolve autoestima e qualidade de vida. 

 

Então, se você chegou até aqui e tem interesse, mande uma mensagem pra gente.



Fonte