Como a cirurgia plstica pode combater problemas respiratrios? – Notcias – PORTAL CONCRDIA – O Portal da Cidade de Concrdia

0
36

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.
Cirurgia plstica do nariz pode corrigir demandas funcionais e estticas, mas cada caso requer uma avaliao especfica.

A rinoplastia uma das cirurgias plsticas mais realizadas no Brasil e uma dvida comum em relao ao procedimento se ele pode amenizar ou agravar os problemas respiratrios.

Tal dvida surge devido a grande quantidade de pessoas que sofrem com problemas relacionados dentre os diversos existentes, como o caso da rinite, sinusite e at do desvio de septo. 

No ps-operatrio imediato, a regio fica inchada, podendo reduzir a capacidade respiratria temporariamente, mas no longo prazo, o procedimento apresenta bons resultados para respirao quando realizado o tratamento especfico.

Quais os tipos de rinoplastia?

Para compreender a eficincia diante dos problemas respiratrios, antes, necessrio esclarecer os tipos de procedimentos da rinoplastia, uma vez que essa cirurgia plstica pode atender vrias demandas estticas e funcionais dos pacientes. Portanto, existem opes como:

– rinoplastia esttica: como o nome indica, para a correo apenas de demandas estticas, como tamanho, formato ou projeo da ponta nasal;

– rinosseptoplastia: une a correo esttica com correo de problemas funcionais que comprometem a qualidade da respirao, como o desvio de septo;

– rinoplastia tnica: visa amenizar traos marcantes incmodos ao paciente;

– rinoplastia secundria: procedimento indicado para correo de insatisfaes decorrentes de uma primeira cirurgia do nariz; 

– rinoplastia ps-traumtica: recomendada para alteraes na esttica nasal decorrentes de pancadas que comprometam ou no as funes respiratrias.

Entre os diferentes tipos de rinoplastia, a rinosseptoplastia a abordagem mais apropriada para correo de problemas respiratrios.

Quando a rinosseptoplastia indicada?

A rinosseptoplastia consiste na unio entre a septoplastia e a rinoplastia e por isso consiste na juno entre as demandas estticas e funcionais da cirurgia plstica como j mencionado.

A indicao desse tratamento ocorre quando o paciente interessado na cirurgia do nariz devido aparncia ou a incapacidade respiratria relata ao cirurgio plstico que deseja expandir os elementos englobados na tcnica.

Dessa forma, um paciente que inicialmente iria fazer apenas a correo esttica do nariz passa por exames para verificar a necessidade de correo de demandas funcionais, como o desvio de septo.

O problema ocorre quando o septo, que divide as fossas nasais, mais proeminente direita ou esquerda, obstruindo a passagem de ar.

O desvio de septo pode ser causado por fatores congnitos (desde o nascimento), por problemas respiratrios crnicos, como rinite e sinusite, e por traumas.

Alguns dos sintomas comuns do desvio de septo incluem obstruo nasal, apneia do sono e ronco, sangramentos nasais, dores de cabea ou na face, fadiga e rinossinusite crnica. 

Nesses casos, a cirurgia permite a correo do desvio para recuperao da capacidade respiratria integral do paciente e amenizao dos sintomas.

A dificuldade para respirar pode estar relacionada a outros problemas como hipertrofia dos cornetos, aumento da adenoide (carne esponjosa) ou presena de plipos nasais.

Portanto, apenas com uma investigao detalhada do caso ser possvel determinar se as dificuldades respiratrias do paciente podem ser corrigidas por meio da rinosseptoplastia.

Como feita a rinosseptoplastia?

Na associao dos procedimentos utiliza-se, normalmente, a tcnica aberta, o que melhora a visibilidade das estruturas internas pelo cirurgio. Esse tipo de inciso implica um corte da base das asas e tambm da columela.

Na cirurgia plstica, o procedimento tem incio com a correo das demandas funcionais do caso, ou seja, o alinhamento do septo nasal. Pode ser necessrio utilizar cartilagem autgena para reforar as estruturas do nariz.

E s em seguida feita a correo das demandas estticas de acordo com os incmodos iniciais relatados pelo paciente.

As incises cirrgicas so fechadas e usada uma tala moldvel para segurar a nova estrutura do nariz nos primeiros dias do ps-operatrio.

Como o ps-operatrio e resultados da cirurgia plstica?

Na cirurgia plstica do nariz comum que o paciente apresente maior dificuldade para respirar nos primeiros dias em decorrncia do inchao e hematomas que so comuns no ps-operatrio imediato. Alguns cuidados incluem:

manter-se em repouso por cerca de 7 dias;

ir no retorno mdico entre 5 e 7 dias para remoo da tala e colocao de um curativo no local;

manter a cabea mais elevada que o tronco, usando dois travesseiros para repouso, o que ajuda no controle do inchao;

fazer compressas frias para amenizar o inchao e hematomas, tendo cuidado para no incidir peso sobre o nariz;

evitar a exposio solar no primeiro ms o que ajuda a evitar sangramentos nasais e evita o agravamento dos hematomas, com manchas na face;

evitar a prtica de atividades fsicas pelo perodo indicado pelo mdico responsvel, o que pode variar entre 30 e 90 dias, a depender do tipo e intensidade do exerccio;

tomar apenas a medicao prescrita pelo cirurgio plstico, o que inclui antibitico, analgsicos para o caso de dor e anti-inflamatrio.

Os resultados da rinosseptoplastia podem ser observados entre 1 e 3 meses aps a cirurgia, quando o inchao facial reduz e os benefcios estticos e respiratrios ficam mais aparentes ao paciente.

O resultado definitivo, por sua vez, pode demorar at 24 meses, visto que o processo de cicatrizao do nariz lento e depende tambm da espessura da pele e dos cuidados do ps-operatrio.

Para os casos em que o procedimento recomendado e realizado, considerando o tempo aproximado para estabilizar os resultados, a qualidade respiratria notria, melhorando prticas em geral do dia-a-dia como caminhar, dormir, se exercitar e outras.

E vale lembrar que a definio da associao entre rinoplastia, septoplastia ou outro procedimento que vise melhora na condio respiratria, deve ser avaliada por um cirurgio plstico de confiana e com experincia no procedimento.



Fonte