Cuiabá deve ter sensação de frio e umidade relativa do ar baixa até quarta-feira | Mato Grosso

    0
    20

    Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

    .

    Cuiabá terá a sensação de frio e umidade relativa do ar baixa até quarta-feira (21). No domingo (18) os cuiabanos já sentiram a temperatura abaixar e nesta segunda-feira (19) a previsão é de máxima de 30ºC e mínima de 15ºC.

    De acordo com o Clima Tempo, o amanhecer será com frio um pouco mais intenso e temperatura subindo gradativamente.

    A segunda-feira começou com frio intenso no centro-sul do Brasil devido à entrada de uma intensa massa de ar frio de origem polar.

    Os termômetros marcavam 17ºC pela manhã, mesmo com sol.

    Os moradores devem ser atentar aos baixos índices de umidade relativa do ar, com níveis entre 21% e 30%.

    Na terça-feira (20) a previsão é de máxima de 31ºC e mínima de 13ºC.

    As mudanças bruscas de temperatura e a baixa umidade relativa do ar causam grande impacto no organismo, fragilizando a resistência e aumentando a incidência de doenças respiratórias.

    De acordo com a médica geriatra do Hospital Santa Rosa, Graziela Milanello, os idosos são os mais afetados neste período do ano.

    “Normalmente, eles já têm sua função pulmonar e o sistema imunológico mais debilitados. Uma gripe pode tornar-se uma pneumonia com o clima mais frio”, alerta a médica.

    É importante ficar atento a alguns sintomas, já que nem sempre o idoso com pneumonia vai desenvolver um quadro clássico da doença como ocorre com um adulto mais jovem.

    As principais doenças respiratórias no inverno são pneumonia, gripe, asma, rinite, bronquite, bronquiolite sinusite, entre outras.

    No período do inverno, antes da pandemia, a procura dos pacientes por tratamentos de doenças respiratórias era grande.

    Com a chegada da Covid-19, muitos idosos ficaram com receio de procurar atendimento médico com medo de contrair o coronavírus. Não raro, chegavam ao consultório com a doença em evolução ou com quadro irreversível, necessitando de internação.



    Fonte