Em MT, Personal tira calcinha de menor e oferece silicone em troca de sexo

0
20

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Ilustrativa

Uma adolescente de 16 anos procurou a Polícia Civil e denunciou ter sido abusada sexualmente por um personal trainer, de 35 anos, em Cuiabá. Ele teria tirado a calcinha dela e oferecido pagar cirurgia para ela colocar silicone, em troca de sexo.

De acordo com o site Gazeta Digital, a vítima conheceu o homem enquanto trabalhava como babá. Ele pediu o Instagram dela e ofereceu uma avaliação física, já que é personal trainer. Durante as conversas, ele disse ainda que a ajudaria a tomar suplementos e a modelar o corpo.

A menina, que estava interessada em frequentar academia, foi até o escritório dele, mas quando chegou, percebeu que não havia nenhum equipamento para fazer a avaliação.

 

A partir daí, o assédio começou. O homem perguntou sobre a libido sexual da menina e também sobre o tamanho do clitóris. Além disso, ainda teria pedido para ela “dar pra ele o que dava para o namorado dela”.

Se ela fizesse o que ele queria, pagaria prótese de silicone para ela e disse ainda que ela poderia pedir o que quisesse, como dinheiro e uma moto, só não poderia contar nada a ninguém.

A adolescente relatou que depois ele pediu para ela tirar a roupa e, com medo, ela teria tirado e ficado apenas de calcinha e sutiã. O acusado, então, teria tirado as medidas dela, puxado a calcinha e olhado sua vagina.

A jovem conseguiu ir embora, procurou a polícia e denunciou o caso. A Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Cuiabá deve investigar o caso.



Fonte