história e poderes do inimigo do Batman nos quadrinhos

0
121

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

O Batman possui uma enorme lista dos mais variados inimigos. Um que não pode ter o mesmo destaque dos demais, mas que também já roubou a cena em algumas ocasiões é Silêncio, criado apenas nos anos 2000 por Jeph Loeb e Jim Lee.

Apesar de ter sido introduzido há pouco tempo – se considerarmos a história de mais de 80 anos do Batman nos quadrinhos – Silêncio já aprontou das suas contra o herói e antigamente, era muita pessoa muito próxima do herói. O personagem já apareceu nas séries de TV Gotham e Batwoman, mas ainda não deu as caras nos cinemas.

Caso queira conhecer mais detalhes sobre Silêncio, confira abaixo um resumo de sua história e poderes.

Breve história de Silêncio

O nome real do vilão é Thomas “Tommy” Elliot, integrante de uma rica família de Gotham e que era amigo de infância de Bruce Wayne. Os dois costumavam brincar juntos e ajudou o futuro Batman com seu treinamento, já que foi ele quem ensinou o herói a usar as habilidades de seus inimigos contra eles mesmos.

Tommy mostrou ser dono de um intelecto genial, mas detestava seus pais. O motivo é que seu pai, Roger, era alcoólatra e abusava dele, enquanto que sua mãe, Marla, não fazia nada para impedir, já que não queria perder o status social que ganhou com o casamento, pois era de origem humilde.

Por conta dessa raiva que tinha dos pais, Tommy planejou a morte dos pais e sabotou o freio do carro da família. Roger morreu no acidente, mas Marla sobreviveu após uma cirurgia conduzida por Thomas Wayne, o que irritou o futuro vilão.

Durante um acampamento de verão, em que estava na companhia de Bruce, Tommy atacou um garoto, o que fez ser encaminhado para tratamento psicológico. Ele ficou sob os cuidados de Jonathan Crane, que se tornou o Espantalho.

Em seguida, Bruce testemunhou a morte dos seus pais e isso fez Tommy criar um ressentimento muito grande dele, já que ele assumiu a fortuna de sua família, algo que o personagem queria ao planejar a morte dos seus pais.

Pouco após Bruce terminar seu treinamento para se tornar o Batman, Tommy começou a namorar uma mulher chamada Peyton Riley, um relacionamento que jamais foi aprovado por sua mãe. Após ela o deserdar, o personagem matou Marla sufocada com um travesseiro.

Tommy herdou a fortuna de sua família e com ela, viajou pelo mundo e se tornou um renomado cirurgião, mas ainda tinha um ressentimento muito grande de Bruce Wayne.

Após se estabelecer com um cirurgião conhecido, Tommy entrou em contato com o Charada, que durante uma epifania, afirmou que Bruce Wayne e o Batman eram a mesma pessoa. Ao notar que Edward Nygma também detestava seu desafeto, Tommy juntou forças com o vilão para acabar com o bilionário. Foi aqui que ele usou, pela primeira vez, o nome Silêncio.

Em seu primeiro plano como vilão, Silêncio contou com a ajuda do Charada para recrutar outros inimigos do Batman e executar seu plano de vingança. Ele conseguiu confrontar o herói de igual pra igual, mas Bruce ganhou uma ajuda inesperada: Harvey Dent, que após ter seu rosto consertado pelo próprio Tommy Eliott, viu a personalidade do Duas Caras desaparecer de vez.

O advogado atirou duas vezes em Silêncio, que caiu de uma ponte. Por conta de algumas falas durante o confronto, Bruce logo suspeito que o vilão se tratava do seu amigo de infância após vê-lo citar falas do filósofo Aristóteles, costume que tinha desde pequeno.

A história seguinte de destaque envolvendo o personagem mostrou Silêncio se aliando ao Espantalho para sequestrar a Mulher-Gato para remover o coração dela. Durante um encontro com o Batman, Tommy mostrou para o herói que fez uma cirurgia plástica em si mesmo para ficar com a aparência de Bruce Wayne. Sua ideia era fingir que era o bilionário e acabar com sua reputação.

Após se recuperar, a Mulher-Gato conseguiu expor detalhes da vida de Tommy para as autoridades, o que o fez se tornar um procurado. O vilão tentou cometer suicídio ao pular de uma ponte, mas foi salvo por um pescador.

Em suas aparições seguintes, Tommy tentou se aproveitar da aparência de Bruce Wayne para tomar conta dos negócios do bilionário e se envolveu bastante com a chamada família do Batman.

Para o relançamento dos Novos 52, as origens de Silêncio sofreram algumas modificações. Ela ainda era Thomas Eliott e amigo de Bruce Wayne na infância. No entanto, era tão próximo dele que quis ser igual a ele. Para começar, sabotou o carro da família, e dessa vez, sua mãe também morreu. Desta forma, ele poderia falar que também era um órfão.

Conforme foi crescendo, Thomas começou a se vestir como Bruce e a flertar com as mesmas garotas que eram alvos do amigo. O personagem chegou ao ponto de pedir par ser chamado de Bruce Wayne para ter mais atenção das pessoas, especialmente mulheres.

Por conta disso, Bruce se afastou de Thomas e sua obsessão pelo amigo logo se transformou em ódio, fazendo-o se transformar em Silêncio assim que descobriu que o amigo começou a atuar como o Batman.

Poderes e habilidades de Silêncio

Assim como boa parte dos inimigos do Batman, Silêncio não possui poderes por ser um ser humano comum. Mesmo assim, ele é dono de algumas habilidades de destaque. Entre elas, podemos citar:

  • Intelecto genial: que demonstrou ter ainda criança;
  • Conhecimentos avançados de medicina: por ter se tornado um cirurgião;
  • Mestre estrategista e grande manipulador;
  • Atirador de primeira: em várias ocasiões, Silêncio mostrou que sabe manusear armas como poucos;
  • Grande combatente corpo a corpo;
  • Intimidador.

Lobo: poderes e habilidades do caçador de recompensas da DC

Ei nerd, não deixe de conferir:



Fonte