Mulher tem 30 kg de tumores retirados do corpo e sobrevive a cirurgia inédita no Brasil | Brasil

0
15

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Diagnosticada de neurofibromatose, doença sem cura e sem tratamento específico comprovado, Karina Andressa Rodini passou por uma cirurgia inédita no Brasil, na última terça-feira (16). A curitibana teve cerca de 30 kg de tumores retirados do seu corpo, no Hospital Marcelino Champagnat, no Paraná. As informações são do UOL.

O cirurgião McKay Mckinnon, um norte-americano especialista na retirada de grandes tumores, foi quem coordenou a operação da moça, que durou em torno de 11 horas. Ela o conheceu pela internet e criou uma “vaquinha virtual” para custear a cirurgia e o trazer para o País. 

O cirurgião brasilerio Alfredo Benjamin Duarte, que acompanha a curitibana, afirmou que a operação é considerada inédita, pois, pela primeira vez, uma equipe médica conseguiu “ressecar” um tumor com tantos tecidos vasculares ao redor. 

“Com certeza não só eu, mas todos os outros cirurgiões e médicos residentes que participaram da cirurgia, estão muito entusiasmados com o que pudemos aprender”, disse o médico. 

Recomeço

Após a cirurgia, Karina poderá retomar suas atividades, como caminhadas mais longas, voltar a estudar e realizar viagens. Contudo, o pós operatório da moça ainda requer bastante cuidados e atenção. 

Segundo a equipe médica, a moça ainda não consegue sentar totalmente, mas é capaz de dar os primeiros passos. “Para uma nova vida”, escreveu ela, em uma publicação nas redes sociais. 

Karina já faz planos para quando sair do hospital. Ela quer comprar roupas novas. “Agora vai ficar mais fácil encontrar peças como shorts e calças, que antes eu tinha que mandar fazer”, afirmou. 



Fonte