O que causa olheiras? Conheça os 4 tipos e como tratar

0
104

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

O cansaço, falta de sono e TPM são fatores frequentemente usados para culparem o aparecimento das olheiras, no entanto, a verdade é que estes são apenas alguns agentes que podem agravar as áreas escuras no tom marrom, preto ou azulado, ao redor dos olhos. Mas afinal, o que causa olheiras?

A resposta para essa pergunta é muito simples: o acúmulo de melanina na região dos olhos. Esse acúmulo se dá, na maioria dos casos, por causa da genética, entretanto, ele pode estar acontecendo com maior intensidade por interferência de problemas como, por exemplo, alergia, envelhecimento e/ou exposição excessiva de sol.

Portanto, é essencial que haja uma avaliação precisa sobre qual o tipo das suas olheiras para aí sim, começar um tratamento efetivo e diminuí-las. Então, para te ajudar, nós, da Área de Mulher, vamos explicar o que causa olheiras, quais os tipos e o que fazer para amenizar/prevenir.

Tipos

Horp

Antes de iniciar qualquer tratamento é essencial que você saiba qual o seu tipo de olheira, aliás, vale ressaltar que dermatologistas são os mais indicados para diagnosticar o seu caso. No entanto, de modo geral, pode-se dizer que as olheiras são classificadas em 4:

Pigmentar: Causada pelo excesso de melanina na pele, esse tipo de olheira, geralmente, apresenta uma cor mais amarronzada. A causa costuma estar associada a peles morenas e negras. No entanto, esse excesso também pode estar ligado a algum processo inflamatório, como, por exemplo, a rinite.

Olheira estrutural: Esse tipo de olheira surge devido a anatomia óssea do rosto. Pessoas que têm os olhos “fundos” acabam formando uma sombra escura na área ao redor do rosto.

Vascular: Conhecida como “olheira de cansaço”, a olheira vascular é causada pelo aumento da vascularização ou congestão dos vasos sanguíneos nos olhos. Nesses casos a coloração tende a ser em tons azulados, arroxeados ou avermelhados.

Olheira mista: Bastante comum, a olheira mista acontece quando há a soma de dois ou mais tipos, como, por exemplo, vasculares pigmentados, estrutural pigmentado ou vascular estrutural pigmentado.

O que causa olheiras?

O que causa olheiras? Conheça os 4 tipos e saiba como tratar
Heliomendes

As olheiras podem ser causadas pelo excesso de melanina nos olhos, genética, alergias, envelhecimento, má circulação do sangue, etc. No entanto, há alguns fatores capazes de agravar esse problema.

São eles: Insônia, cansaço, perda de colágeno, exposição ao sol, uso de cigarro, álcool, coçar os olhos excessivamente, desidratação, doenças respiratórias, estresse e TPM.

Tratamento para olheiras

Jornal de Brasília

Provavelmente você já deve ter ouvido falar de inúmeros tratamentos para olheiras como, por exemplo, peelings químicos, intradermoterapia, lasers, dermocosméticos, preenchimento com ácido hialurônico, etc. No entanto, você sabe qual é o ideal para o seu tipo de olheira? Se ainda não, então descubra a seguir.

Tratamento para olheiras pigmentares

Como esse tipo de olheira é causado pelo excesso de produção de melanina na região dos olhos, é indicado que seu tratamento seja feito através da aplicação de complexos despigmentadores/clareadores e também do uso diário de protetor solar para prevenir a volta deste problema.

Dica: Procure cremes clareadores que possuem arbutin, hidroquinona, mequinol, niacinamida, retinol e vitamina C, nas suas composições.

Vasculares ou sanguíneas

Para minimizar esse tipo de olheira, você pode recorrer a um tratamento que estimule a circulação do sangue na região dos olhos como a drenagem e o uso de ácido hialurônico.

Além disso, é indicado tratamentos que aumentem a espessura da pele e a afaste dos vasinhos, diminuindo sua “transparência”, como luz pulsada, lasers e drenagem linfática.

Tratamento para olheiras estruturais

Neste caso o uso de dermocosméticos de ação densificadora e preenchimento com ácido hialurônico, são os mais indicados.

Olheiras mistas

Para olheiras mistas o tratamento deverá ser personalizado. Portanto, se este for seu caso, procure por um(a) dermatologista.

Como prevenir?

Beaubit

Existem alguns hábitos podem diminuir ou até mesmo evitar o aparecimento de olheiras, por exemplo:

  • Dormir de 8 horas por noite;
  • Evitar coçar os olhos;
  • Reduzir o consumo de cigarros e/ou bebidas alcoólicas;
  • Hidratar a região dos olhos;
  • Usar protetor solar frequentemente;
  • Retirar a maquiagem antes de dormir.

Tratamentos naturais para olheiras

O que causa olheiras? Conheça os 4 tipos e saiba como tratar
Gazeta

Chá de camomila: Prepare um chá de camomila, deixe esfriar e coloque por alguns minutos no freezer. Então, assim que estiver bem gelado, aplique sobre os olhos e deixe agir de 10 a 15 minutos. Esse tratamento estimula a vasoconstrição e melhora a circulação, reduzindo o inchaço.

Compressa de água ou soro: Esse tratamento caseiro estimula a vasoconstrição. Primeiramente, umedeça pedaços de algodão com água ou soro e coloque-os no congelador. Então, quando gelados, aplique na região abaixo dos olhos.

Rodelas de pepino: Esse é um clássico super fácil que, aliás, todo mundo sabe fazer, não é mesmo? Primeiramente, lave bem o pepino, cortado em rodelas e deixe-as nos olhos de 15 a 20 minutos.

Máscara caseira: Em primeiro lugar, misture uma xícara de chá de leite, uma colher de sopa de amido de milho e uma colher de sopa de mel. Logo depois, leve ao fogo baixo até engrossar.

Deixe esfriar e, assim que a mistura estiver morna, aplique-a nos olhos e deixe agir por 15 minutos. Por fim, enxágue com água e finalize com um creme hidratante.

Então, o que achou dessa matéria? Aproveite para conferir também: Área dos olhos – Rotina para evitar rugas, bolsas e olheiras.

Fontes: Boa Forma, Sallve, Contox, Sephora.

Fontes das imagens: The Ofy, Horp, Heliomendes, Jornal de Brasília, Beaubit, Gazeta.



Fonte