Pesquisa revela as 25 profissões dos sonhos

0
192

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Da esquerda para a direita, de baixo para cima: 1- Pedagogia; 2-Engenharia da Computação; 3- Administração; 4- Direito; 5- Medicina (Leia abaixo) (Foto: Dayana Souza/AT)

“Escolha um trabalho que ame e nunca terá de trabalhar na vida”. A frase atribuída ao filósofo chinês Confúcio e dita há cerca de 2.500 anos ainda inspira os estudantes do século 21 na hora da definir as profissões dos sonhos.

Uma pesquisa realizada pelo Centro de Pesquisas Richard Mohamd Chibib, da Faculdade Pio XII, em parceira com o jornal A Tribuna, mostrou que cursos como Direito (8,52%), Administração (7,78%), Medicina (6,11%) estão no topo da lista das 25 profissões dos sonhos de jovens entre 15 e 25 anos. Ciências Contábeis (4,26%), Pedagogia (3,89%) e Engenharia Civil (3,33%) também aparecem na lista.

“Direito, Administração, Medicina e Engenharias são cursos tradicionais que atendem as principais demandas da sociedade. São áreas sólidas, que sempre existirão. A desvantagem surge se o jovem achar que escolher uma dessas carreiras é a garantia de empregabilidade”, destacou a especialista em carreiras Giselle Franco.

Além desses mais tradicionais, cursos como Rede de Computadores (3,70%), Turismo (3,52%) e Marketing (2,96%) entraram no ranking. Psicóloga especialista em orientação profissional, Érica Canal contou que a escolha por Marketing, Turismo e cursos relacionados à tecnologia, como Rede de Computadores, têm sido escolhas frequentes no consultório.

“Acredito que a escolha pelo Marketing aparece por causa de uma influência do marketing digital e do empreendedorismo, mas também porque se tornou um curso mais palpável para o jovem”. Mas ela ressalta que é preciso ter cuidado nas escolhas. Mesmo que seja sonho, é importante entender como é a profissão no mercado de trabalho de fato.

“Estamos em uma geração que é um pouco mais fantasiosa e busca muito o prazer. Acredito que essa escolha pelo Turismo, por exemplo, pode ter um equívoco. Não é apenas gostar de viajar. Tem de entender que trabalhar no turismo é diferente de ser turista”.

Coordenador da pesquisa, o professor Robson Souza contou que os resultados surpreenderam. “Acho que os resultados demonstram uma consciência muito maior dos jovens. Eles estão buscando equilibrar a profissão que desejam com melhor qualidade de vida”.

Os cursos escolhidos

1- Ana Cláudia França Peteli

Com 25 anos, a universitária está no segundo período de Pedagogia, na Multivix. Ela conta que sempre era a professora nas brincadeiras de criança, mas não imaginava que fosse levar tão a sério. “Foi realmente o que sonhei para mim. Pedagogia é tão importante quanto as outras áreas”.

2- Maria Júlia Assunção

O avô foi inspiração para os sonhos de carreira e a escolha do curso de Engenharia da Computação da universitária de 18 anos. “Essa área tem um mercado de trabalho bem promissor. E penso que é, de certa forma, ajudar a sociedade”.

3- Lucas Passos Sperandio

O universitário de 25 anos tem o sonho de seguir a carreira de político e, para isso, escolheu o curso de Administração na Multivix, como graduação. Ele está no primeiro período. “Meu sonho de carreira seria a política. Como me identifiquei com a área de gestão, pretendo continuar com isso”.

4- Gabriel Oliveira

O universitário de 18 anos sempre sonhou em cursar Direito. Mesmo matriculado no curso de Arquivologia na universidade federal, o coração só acalmou quando ele se matriculou na área dos sonhos. “Tenho a perspectiva que como advogado, vou buscar justiça, igualdade e respeito”.

5 Layane Oliveira Bassetti

A universitária de 22 anos sempre teve o sonho de fazer Medicina. O plano é se tornar cirurgiã plástica. “Nunca consegui me imaginar fazendo outro curso! Escolhi Medicina porque sempre admirei a possibilidade de ajudar o próximo, descobrir o que o aflige e oferecer algum tipo de solução”, disse a jovem.

Leia a reportagem completa no Jornal A Tribuna  deste domingo (13).



Fonte