Responsabilidade dos pais é tema de Roda de Conversa no Hospital Metropolitano

0
179

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Paternidade responsável foi o tema de uma Roda de Conversa no Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE) na sexta-feira (09), dentro da programação alusiva ao Dia dos Pais, comemorado neste domingo (11). Pacientes, acompanhantes e funcionários também foram homenageados por um grupo de voluntários, que cantou pelas dependências da unidade.

Antônio Benito Oliveira (e) acompanha o filho de 17 anos vítima de agressãoA agressão foi um dos assuntos abordados na Roda de Conversa, promovida pelos setores Psicossocial e de Humanização, com a participação de representantes da Comissão dos Direitos da Criança e do Adolescente, da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Pará. Antônio Benito Oliveira, que acompanha o filho de 17 anos vítima de agressão a pauladas no município onde moram, Capitão Poço (nordeste do Pará), era um dos presentes, e dividiu sua experiência com a internação do filho. “Somos só nós dois, desde que a mãe foi embora. Ele estava quase sem vida, e é um sentimento ruim, porque a gente que é pai não pode, mas vem outro e faz isso com o nosso filho”, contou.

A paternidade responsável, enfatizada pelas advogadas, se refere ao comprometimento e participação ativa na criação dos filhos. “Independentemente das escolhas dos filhos, os pais amam e devem fazer de tudo para apoiá-los. A confiança e o acolhimento são muito importantes nesse processo”, afirmou Helen Moreno. “O direito de uma criança perpassa pelos de toda a sociedade, pelos dos adultos também. A Constituição oferece garantias, mas exige responsabilidades, desde o planejamento familiar que estabelece limite no número de filhos, mas espera que os casais formem famílias dentro das suas possibilidades”, complementou Suelen Lobato.

Antônio Oliveira disse que gostou muito da Roda de Conversa. “Elas foram ótimas. Falaram sobre a responsabilidade de cuidar dos filhos desde o nascimento, como estou fazendo, noite e dia com o meu”, disse. Para ele, o Dia dos Pais, apesar das dificuldades, será bom. “O meu presente é que meu filho retorne bem depois da próxima cirurgia. Não terá outro melhor no mundo do que ter ele vivo e com saúde de novo”, afirmou.

Com cânticos, orações e orientações, os pacientes participaram do eventoHomenagens – A programação alusiva ao Dia dos Pais contou também com a participação de um grupo de voluntários do Ministério Servir, da Igreja Evangélica do Cordeiro Ministério da Esperança, localizada no bairro do Parque Verde, em Belém. Eles cantaram e fizeram orações nas enfermarias e postos do hospital, emocionando pacientes, acompanhantes e funcionários.

Referência no tratamento de média e alta complexidade em tratamento de traumas e queimados na Região Norte pelo Sistema Único de Saúde (SUS), o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência, localizado em Ananindeua (Região Metropolitana de Belém), dispõe de 198 leitos operacionais nas especialidades de traumatologia, cirurgia geral, neurocirurgia, clínica médica, pediatria, cirurgia plástica exclusiva para pacientes vítimas de queimaduras, além de leitos de UTI.

O HMUE recebe pacientes da Região Metropolitana de Belém e de diferentes municípios do Pará e também de outros estados. Em 2018, realizou mais de meio milhão de atendimentos, entre internações, cirurgias, exames laboratoriais e por imagem, atendimentos multiprofissionais e consultas ambulatoriais.



Fonte