Segundo dados, brasileiros lideram ranking de realização de cirurgias plásticas

0
72

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

De acordo com pesquisa realizada pela ISAPS, Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica e Estética, organização mundial que compila dados de cirurgiões de 110 nações, 13,1% de todas as cirurgias plásticas realizadas no ano de 2019 foram no Brasil. O país liderou o ranking por dois anos seguidos, com mais de 11,3 milhões de procedimentos realizados. 

Foto: DINO / DINO

Com a chegada da pandemia – e o crescimento das restrições em relação ao acesso aos hospitais -, o número de cirurgias realizadas foi menor. Ainda assim, pode-se notar aumento de 30% na procura por cirurgias entre os meses de setembro e outubro de 2020. 

No início deste ano, as cirurgias plásticas seguiram o ritmo do final do ano anterior e voltaram a ser pauta. Com isso, foi possível constatar aumento de 50% na procura quando comparado ao mesmo período do ano anterior, ainda citando a ISAPS.

Por fim, a pesquisa realizada pela Sociedade Internacional confirma que a maioria dos procedimentos realizados são em mulheres adultas, entre 35 a 50 anos. Ainda assim, ambos os sexos possuem interesses parecidos: a lipoaspiração, por exemplo, aparece como uma das cirurgias mais desejadas, cotadas e realizadas. 

Opções não invasivas

De acordo com a Doutora Angélica Ferraz, sócia do Instituto LipoLay, a busca por procedimentos reflete a vaidade do povo brasileiro. Ainda assim, a cirurgiã dentista especializada em harmonização orofacial reforça que é possível obter bons resultados com processos menos invasivos – e que não demandam internação, por exemplo. 

Como referência, a Doutora Angélica utiliza a lipoaspiração da região da papada, que é muito procurada. “A lipoaspiração é ‘sonho de consumo’ para muitos, e, recentemente, a técnica passou a ser aplicada no rosto, para remoção da ‘papada’. Por ser uma área pequena a ser aspirada e de fácil acesso, pode ser realizada de forma pouco invasiva, realizado em consultórios com anestesia local, com alta no mesmo dia”, diz. 

A cirurgiã dentista, especializada em harmonização orofacial explica que a técnica utilizada pelo Instituto LipoLay é diferente da já ministrada em lipoaspirações, e comenta os diferenciais da LipoLay HD, exclusiva da corporação. “Utilizamos uma cânula para retirar a gordura. Esta, é inserida por um microponto. A área a ser aspirada é pequena e oferece fácil acesso, o que permite que o procedimento seja realizado em menos de duas horas. Todo o processo é rápido e simples, assim como a recuperação”, explica. 

Por fim, Doutora Angélica acentua que a técnica LipoLay HD nasceu no país e que oferece correção imediata à estética do paciente. Como responsável pelo procedimento, a especialista ressalta que, menos sendo minimamente invasivo, a LipoLay HD demanda um profissional experiente e capacitado e aprovado pelo instituto para sua realização.

A Doutora Angélica Ferraz é especializada na área de harmonização e integrante das primeiras turmas reconhecidas de HOF, Especialização em Harmonização Orofacial, do Brasil. 

Para saber mais, basta acessar: https://lipolay.com.br/

Website:

https://lipolay.com.br/



Fonte