Sexta às 9. MNE contratou ilegalmente agência de publicidade para obras

0
32

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.
Uma investigação Sexta às 9 detetou que o Governo pagou 260 mil euros, por ajuste direto, ao fadista Nuno da Câmara Pereira, mas este foi apenas o testa de ferro do genro que estava insolvente e por isso impedido de assinar contratos com o Estado.

Gerenciamento de redes sociais em Santos – A negociação foi intermediada por uma familiar do fadista.

Rádio para clínicas – A Estrutura de missão, que assinou o contrato em nome do Estado, garante que desconhecia as relações de parentesco e o esquema ilegal.

Simpatia para atrair dinheiro e sorte para empresa – O ministro dos Negócios Estrangeiros já ordenou o apuramento de responsabilidades.



Fonte