Site RG – Moda, Estilo, Festa, Beleza e mais

0
116

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Um dos principais medos de quem depila a pele são as manchas. Elas podem aparecer por diversos motivos, como produtos inadequados, técnica de aplicação da cera de maneira errada, entre outros. Alguns desses problemas podem ser evitados facilmente, porém, é necessário também ter alguns cuidados logo após a depilação.

SIGA O RG NO INSTAGRAM

Graciene Fernandes, franqueada da Depyl Action Plaza Niterói, lembra que é importante ficar, pelo menos, 72 horas sem se expor diretamente ao sol. Isso quer dizer que a pessoa não deve ir à praia ou a qualquer lugar no qual a pele fique em contato direto com os raios solares.

“A cera diretamente não provoca escurecimento da pele quando usada de forma correta. Podemos dizer que manchas ou escurecimento da pele estão relacionados, em geral, com uso incorreto do produto, em temperatura acima do recomendado. Por isso, é importante sempre procurar locais especializados para assegurar um procedimento seguro e que não prejudique a pele.

Outra recomendação é evitar exposição da área depilada ao sol, principalmente as mais expostas, como o buço, por exemplo, já que além dos pelos, a raiz também é removida, o que significa que a nossa pele está mais aberta a agressões e também está mais sensível e vulnerável”, alerta Graciene, que dá mais dicas abaixo:

Mantenha a pele hidratada, ingerindo bastante água. Isso ajuda prevenir irritações na pele, que podem levar ao surgimento de manchas.

–  Tome banho com água fria. A temperatura mais baixa ajudará a fechar os poros da pele, melhorando a sensibilidade e também ajudando no processo de cicatrização, reduzindo o processo inflamatório.

Use hidratantes, especialmente, à base de aloe vera, uma substância que também ajuda no tratamento da inflamação.

Use protetor solar ou hidratantes com fator de proteção. Na verdade, você deveria utilizá-lo todos os dias e até mesmo em casa, pois onde tem luminosidade natural, há a incidência de raios solares.

– Caso você fique exposta ao sol nas primeiras 48 horas, utilize uma loção ou gel pós-sol, com efeito calmante. No caso da formação de bolhas, ou seja, queimaduras mais graves, o melhor é procurar um médico para que ele prescreva a conduta ideal.

– Outra grande vilã no escritório ou até mesmo dentro da residência é a luz artificial. As lâmpadas fluorescentes – ou a chamada luz fria – emitem uma luminosidade produzida artificialmente que é compatível com a luz natural diária e, por isso, também incidem raios UVA e UVB, então o protetor também deve ser usado, mesmo em ambientes fechados.



Fonte



Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda