Tratamentos podem incluir harmonização – 11/12/2021 – Notícia

0
23

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Os tratamentos estéticos ligados à Odontologia incluem, ainda, a harmonização orofacial, procedimento realizado mais especificamente por um cirurgião dentista. Arcelino Farias e Fernanda Dantas são especialistas nesse tipo de tratamento, que envolve o uso de variados materiais e técnicas, como a toxina botulínica, preenchimento com ácido hialurônico e enzimas para emagrecimento facial.

Fernanda Dantas orienta que, antes de dar início a qualquer tipo de procedimento, é primordial um diagnóstico do paciente, para que se conheça o estado de saúde geral dele. Foi o que fez o personal trainer Chicão Vasconcelos, de 43 anos. Antes de se decidir pelo procedimento, ele conta que teve um longo diálogo com os profissionais responsáveis pelo tratamento (Arcelino Farias e Fernanda Dantas).

“Senti extrema confiança no casal, que me garantiu que não iria mudar minha estrutura, nem traços da minha personalidade.  Isso facilitou para eu ir ganhando confiança até fazer o procedimento, que, aliás, é bem tranquilo”, confessa. Feliz com o resultado, o personal destaca os benefícios do tratamento.

“Trabalho com estética corporal e o rosto faz parte de tudo isso.  O resultado superou totalmente minha expectativa desde o início. Não mudou meus traços, porque são procedimentos mais sutis. O processo me deixou muito mais autoconfiante, principalmente por trabalhar com o público”, relata.

 Segundo os especialistas ouvidos nesta reportagem,  para os tratamentos harmonização orofacial podem ser aplicados  toxina botulínica –  popularmente conhecida como botox – além de  bioestimuladores de colágeno para tratar a flacidez, e  preenchimento, quando já há uma ruga profunda. 

O tratamento possui algumas contraindicações, por isso, a importância do diálogo com o paciente. “A principal contraindicação é para o paciente que não apresenta quadro de saúde bom, de modo geral.  A segunda é a dismorfia corporal ou facial (supervalorização de imperfeições). E a terceira é a expectativa irreal, como quando  o paciente acha que vai fazer um botox e conseguirá rejuvenescer 30 anos. Não é bem assim”, orienta Fernanda Dantas.

A procura por esse tipo de tratamento tem aumentado no consultório de Arcelino e de Fernanda, que atendem cerca de 100 pacientes por mês. A pandemia, segundo o especialista, tem contribuído para a alta procura. “Parte da sociedade que tinha boa condição, deixou de gastar com com viagens, festas e bares, e resolveu cuidar de si mesma”, afirma Arcelino Farias.

“Outro fator é que as pessoas ficaram em casa, se olhando mais e participando de videoconferência. E isso mexe muito com a autoestima do paciente”, complementa Fernanda Dantas, que entrega: 

“Mulheres ainda são maioria [na busca por harmonização], mas os homens têm procurado cada vez mais”. Os preços ligados à harmonização facial variam a depender do tratamento: vão de procedimentos simples, que custam a partir de R$ 1 mil, até intervenções mais complexas, que ultrapassam os R$ 20 mil.



Fonte